A moda como ferramenta de desenvolvimento

 

A próxima edição impressa da Catarina e o programa de TV (que está prestes a entrar no ar) trarão matérias especiais sobre o mercado de moda infantil. Esse foi um dos motivos que realizamos o tour têxtil que comentei na semana passada aqui, lembra?

 

Uma das empresas visitadas foi a Malwee, que possui um super know how para falar sobre o assunto. Passamos a tarde entrevistando os responsáveis pela criação, departamento comercial e marketing, foram horas perguntando tudo o que gostaríamos para construir uma matéria completa.

 

 

 

 

 

 

 

O que mais me impressionou foi a conceituação da nova marca da empresa a Zig Zig Zaa, que possui peças que ajudam no desenvolvimento da criança. Vc deve estar se questionando porque estou comentando isso?

 

Porque isso explica a evolução das crianças de hoje em dia. Pensa só, qd éramos crianças não havia esse tipo de preocupação, pelo menos não com esse embasamento. Atualmente a moda atua como ferramenta de desenvolvimento de uma criança e isso é encantador, para ser sincera, nunca havia pensando na moda por esse angulo.

 

Temos gerações de crianças que estão anos luz à nossa frente, quer um exemplo? Nesse sábado, levei a Luiza minha sobrinha de seis anos de idade ao cinema, ela queria muito ver Hannah Montana. Ok, comprei muitas pipocas e fui. Durante o filme, que era o show da personagem em 3D, percebi que o comportamento não só da minha sobrinha, mas como todas as crianças presentes na sala do cinema correspondia ao da minha geração aos 12 anos. (qd eu e minhas amigas éramos fãs de New Kids on the Block e Menudos, sim super passado negro, eu sei…)

 

 

Aliás, descobri uma nova febre entre essa geração, Jonas Brothers, vc já havia ouvido falar? Eu nunca.

 

 

 

Enfim, o que quero dizer com isso é que mais uma vez a moda é um dos instrumentos da sociedade para sua evolução. E com crianças tão à frente do nosso tempo, a moda tem dever em trazer benefícios a essa geração. Tem a obrigação de oferecer informações que acrescentem algo positivo na infância, porque “Hannahs Montanas” não faltarão nunca no mercado infantil, infelizmente.

4 Respostas

  1. Luciene

    Li que os jonas Brothers são “três irmãos tipo o Hanson só que sem os cabelos louros. Eles são tipo a Família Lima só que sem violino e sem a companhia do pai, do tio, do avô, da Sandy, do Júnior e de outros 14 irmãos. Eles são tipo o Kaká só que sem bola no pé porque também já disseram que são religiosos e que vão fazer sexo só depois do casamento” (no papelpop.com).

    28 de abril de 2008 às 6:55 am

  2. Ro Furlaneto

    Nunca gostei de moda infantil, mas pensando nas coisas que vc escreveu, começo a achar mais interessante. Até que enfim apareceu uma marca que traz algo mais interessante para nossas crianças. Vc sabe onde tem para comprar essa marca?
    Dei uma olhada no site deles, mas tem pouca informação.

    Patricia, vc poderia fazer um post sobre o despreparo das empresas com a comunicação virtual.O que vc acha?

    28 de abril de 2008 às 1:26 pm

  3. Ellaine

    eu sou do brasil não sei se alguem vai entender
    mas eu acho elas super legais tudo de bom
    e quem quiser algum contato é
    ellaine_100@hotmail.com
    tchal tchal (bye bye)

    7 de julho de 2008 às 5:17 pm

  4. eu acho que eles arrazam!
    sou fã numero 1ª deles

    19 de julho de 2008 às 3:52 am

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s